Meu companheiro

Vem ser o meu horário de voltar pra casa, minha vontade de cozinhar, o que me faz parar em um dia movimentado só pra comprar algo que me fez lembrar você. Fica aqui.
Vem ser meu abrigo, meu trem de pouso, meu descanso depois de achar que nada é pra mim. 
Vem ser meus dois filhos, meu menino, meu amante, meus gatos e cachorros, minha preocupação.
Vem ser meu abraço, meu aconchego, minha casinha branca no meio do mato e o rio que lava tudo que foi.
Vem ser a companhia de um filme que dá sono, de uma música que relaxa, de um curso que eu nem queira tanto fazer. Meu cotidiano, minha semana, meu mês.
Vem ser o que me faz acordar disposta e dormir cansada, quem me levanta com café pronto no sábado de manhã, e me deita com vinho seco no domingo à noite. 
Meu parceiro, irmão, camarada.
Meu companheiro.