Você

Acho que ela sabe que é a coisa mais linda que eu já vi. Que depois dela meu mundo virou do avesso. Minhas pernas tremem quando ela passa, e eu acho que ela sabe. Se não sabe, eu espero que leia e entenda que é por você. É você.
Por você que todas às vezes eu passo em frente a sua casa, mudando meu caminho e andando um pouco mais. Que eu invento qualquer assunto pra não deixar a conversa acabar. Por que foi você que me ensinou a beleza das coisas. A graça que é aprender.
E se eu pareço chata e fico insuportável, por favor, me entenda. É que o medo de que tudo isso acabe é maior, e transborda todos os sentidos que acreditava ter. É que tudo isso é novo, e você há de convir, que nem tu mesma sabias que poderia acontecer.

Mas não penses tu, que por te querer, me tens de bandeja a teus pés.