O Q é ela?

Ela tem esse Q que me faz lembrar dos meus tempos de criança onde tudo era fácil, tudo era doce, doce como o riso dela. Aquela camaradagem de criança sapeca que só fica quieta quando esta aprontando, e ela me apronta. por que ela tem dessas coisas.
Ela tem  Q de menina levada e mulher caprichosa, dessas que a gente não sabe o que esperar, mas sabe quem vem algo grande, e bom. Ela, ela tem esse Q sabe? Essa coisa sensual que enche os olhos e dá vontade de ter mais, ser mais só pra parecer com ela e ser completo pra ela.
Ela tem esse Q sensual que me faz lembrar a puberdade, mas puberdade é pouco, é explosivo sem ser intenso, e ela tem disso também, isso de ficar encobrindo as coisas e revelando ao pouquinhos, disfarçando o querer e o não quero. Essa coisa sensual que é ela e é dela. Completa que só ela.
Isso que ela tem, essa luz, esse Q, esse prazer e essa dor de ser ela e ser só pra ela, isso me dá vontade de ser ela, tirar o que quer que seja dela e colocar em mim e saber o quanto de mim existe nela, o quanto dela existe em mim.
Ela tem esse Q e o Q é dela. O que é ela?
Ela tem esse Q, e eu quero ser o O dela.