Ensaio sob a dor.

Você sente que deveria esquecer, já que pensar dói, então esqueça. O problema é quando tudo conspira e renova suas lembranças e mesmo que você confie, ainda que você acredite, de uma hora para outra o pensamento esta lá, as lembranças estão lá e a incerteza teima em reaparecer. 
E então, fazer o que? Mentir?

Fingir que nunca aconteceu, que você não lembra mais? Você até tenta. Mas não adianta te dizer que isso vai estar sempre no meio de vocês, adianta?  No fundo você sabe e até imagina que na cabeça do outro tudo está resolvido (graças a Deus tudo está resolvido!?). Mas é só na cabeça dele, por que na sua... Ah, a sua ainda se martiriza, ainda dói, ainda pensa e se tortura com lembranças que te juraram nunca terem acontecido, e as que aconteceram não foram do jeito que você esta pensando. 
Vamos parar de pensar! Vamos nos desligar! Eu aceito esquecer, eu aceito fingir que nada aconteceu, mas você precisa me garantir e fazer com que eu me sinta segura de novo. Você pode tentar?