Despida.

Eu me disponho a me despir. Eu quero ser revelada nua. Crua. Almática. Eu me proponho a me por nua, abrir as janelas da alma e me libertar de toda e qualquer opressão particular que ainda possa restar em mim. Quero me livrar, I wanna be free!
Eu quero nua ver meus medos se esvaindo e as minhas dúvidas consumindo-se diante de minha nudez.
Quero despir-me de cores e sabores, de ideias e pensamentos, de pré-conceitos e preconceitos.
Quero pensar nua, quero viver nua, quero amar nua.
Quero descobrir sentidos, quero ver a vida em sua forma mais bela e completa. Quero extinguir essa complexidade, quero acabar com esse tabu. Eu quero me tocar e me conhecer intimamente. Quero ser livre. Quero te libertar com a minha nudez.
Eu quero mais que um nu artístico, eu quero um nu "almático", eu quero mais que um nu erótico, eu quero um nu sensível. Eu quero nu o corpo, a alma, o espírito. Quero por nu teu cérebro, teu coração e os teus olhos. Te quero livre em sua nudez, de uma vez.